22:01 GmNoticias Brasil 0 Comentarios


Guarda Municipal realiza quatro flagrantes de comércio de drogas em três dias

  

Em três dias, a Guarda Civil Municipal flagrou seis pessoas, entre elas três adolescentes, envolvidas com tráfico de drogas. As operações aconteceram em quatro bairros e resultaram na apreensão de 198 porções de entorpecentes e R$ 611. Em três casos, houve uso de motocicleta. As informações constam em registros de ocorrência da corporação e foram enviadas à imprensa na terça-feira, 21.
O primeiro flagrante aconteceu às 18h da quarta-feira da semana passada, 15, depois que guardas receberam informações por meio do CCE (Centro de Comunicação e Emergência). Conforme denúncia anônima, duas pessoas em uma motocicleta azul estariam comercializando drogas na rua Francisco Bernardes, na vila Dr. Laurindo.
Uma equipe da corporação esteve no local e encontrou dois adolescentes em uma moto com as características compatíveis com a descrição. Ao perceber a aproximação da viatura, um dos jovens teria entrado na casa dele. Segundo os guardas, o suspeito de 13 anos foi ao banheiro e tentou se desfazer de 21 porções de crack.
O material foi encontrado no vaso sanitário e na cesta de lixo. Conforme o RO, o adolescente confessou que havia mais entorpecentes na casa e indicou o lugar em que havia escondido o restante do material. Na espuma do sofá, foram encontradas quatro porções de crack e no madeiramento do telhado, outras 45 unidades.
Com o outro ocupante da moto, de 17 anos, nada de ilícito foi encontrado. Os guardas apresentaram os adolescentes no plantão policial, onde a dupla recebeu voz de apreensão e ficou à disposição do Ministério Público.

Operação semelhante aconteceu um dia depois, na quinta-feira, 16, com guardas que realizavam patrulhamento de rotina na vila Esperança. Novamente, duas pessoas foram flagradas utilizando uma motocicleta para transportar drogas. Ao avistar a viatura da Guarda, os dois teriam tentado fugir, sem obedecer a ordem de parada.
Perseguidos, eles acabaram sendo abordados nas proximidades da rua Cecílio Boneder. Segundo o RO, enquanto os suspeitos fugiram, um deles arremessou um embrulho por cima do muro de uma casa. Ao verificar o conteúdo do material, os guardas encontraram 60 invólucros de crack.
O pintor Luan de Lima, 22, passou por revista pessoal e teve R$ 22 apreendidos. Com o outro ocupante da moto, um adolescente de 17 anos, nada de ilícito foi encontrado. No plantão policial, Lima recebeu voz de prisão e o menor ficou apreendido.

No mesmo dia, os guardas fizeram flagrante de drogas em frente à Emef (Escola Municipal de Ensino Fundamental) “Professor Accácio Vieira de Camargo”, na vila São Cristóvão. De acordo com o RO, o servente Danilo de Lima, 24, estava com 60 papelotes de crack e R$ 150. No momento do flagrante, ele também estava em uma motocicleta.
Os guardas efetuaram a prisão dele depois de receber denúncia anônima. O denunciante informou que uma pessoa conhecida como “Juruna” estaria comercializando drogas em frente à instituição de ensino. No local, uma equipe da GCM confirmou a denúncia. Conforme o RO, o servente tentou fugir ao ser visto pelos guardas. No plantão, a autoridade policial ratificou a voz de prisão.

O último flagrante da “série” aconteceu às 21h30 da sexta-feira, 17, na vila São Paulo, durante patrulhamento preventivo dos guardas. Segundo o RO, na região da rua Terezinha de Jesus Paes Camargo, eles desconfiaram de uma pessoa saindo de um terreno baldio com “algo” na mão. Gildevan Pereira de Oliveira, 31, foi abordado e passou por revista pessoal.
De acordo com os guardas, ele estava com uma sacola plástica contendo oito pinos de cocaína e R$ 439. No plantão policial, ele recebeu voz de prisão por tráfico de entorpecentes e ficou à disposição da Justiça.

amigosdaguardacivil

Postagens Relacionadas

0 comentários:

Anterior Página inicial Proxima
Tecnologia do Blogger.