quinta-feira, 5 de dezembro de 2013

SINDICATO DOS GUARDAS MUNICIPAIS (SINDGUARDAS-BA) ENTRA COM AÇÃO NO MINISTÉRIO DO TRABALHO CONTRA PREFEITURAS.

Elite Gol2 Camacã - Bahia     17:09     0


Na manhã dessa quinta-feira (05/12) o Sindicato dos Guardas Municipais da Bahia através do presidente Pedro de Oliveira e do diretor Delmo Souza de Camacã estiveram no Ministério do Trabalho em Itabuna para apresentar documentos denunciando as ilegalidades existentes em alguns municípios e entrou com uma ação judicial, solicitando buscar meios de sanar alguns problemas que vem acontecendo com os Guardas Municipais de Cidades como: Camacã, Canavieiras, Coaraci, Eunápolis e Itapitanga.

Reivindicando:
*Estatuto e plano de carreira com participação dos Guardas Civis Municipais
*Projeto de captação de recursos do Fundo Nacional de Segurança Publica lei 10.746/2003
*Uso e formação a todos GCMS
*Fardamento completo e acessório
*Falta de condição de trabalho
*Adicional de risco pela atividade de guarda municipal, CLT LEI 12.740, de 08/12/2012.
*Segundo o presidente Pedro de Oliveira ‘’ Várias cidades querem fazer do Guarda um alvo vivo para morrer pelo patrimônio público e pela sociedade e salientou ainda que GUARDA MUNICIPAL é pai de família como qualquer outro policial que tenta sobrevier diante de marginais fortemente armados prontos para matarem sem dó nem piedade.
*Que no Município de Camacã o Guarda Municipal Delmo Souza foi agredido fisicamente no local de trabalho e medida nenhuma foi tomada pelo município.
O SINDGUARDAS-BA levou a causa ao MPT, pedindo providências, uma vez que o Ministério da Justiça tem repassado verbas e são mal distribuídas por partes dos gestores
como exemplo de Canavieiras e Ilhéus.
O Sindicato pede a apuração e que também pede expedição de ofício ao Ministério Público (MP) para que sejam tomadas medidas cabíveis caso constatada a ocorrência de improbidade administrativa. “E que os GUARDAS MUNICIPAIS vêm sofrendo a prática reiterada de assédio moral por parte de secretariados tais como humilhações, afrontas, constrangimentos, rebaixamento, xingamentos, vexame”. Estas e outras situações enfrentam os GCMS que são mortificados por essa prática. Poucos dos nossos colegas acometidos pelo mesmo mal têm tido a coragem de recorrer à justiça, mas alguns estão resolvidos a dar um basta na humilhação!
O fato é que o assédio moral é um drama vivido por colegas de profissão em todo o país.

O SINDGUARDAS-BA aproveita a oportunidade para se colocar absolutamente contra o assédio moral e apoiamos os GUARDAS MUNICIPAIS em suas denúncias, para que não se sinta só nessa empreitada, porque essa luta é de todos nós.

Share:

0 comentários:

Tecnologia do Blogger.

E-mail Newsletter

Sign up now to receive updates from us.

Publicidade

Advertise

Gm Noticias

Facebook Profile

Seguidores

Curta Nosso Server

© 2014 GM NOTICIAS. Designed by Bloggertheme9 | Published By Gooyaabi Templates.
Proudly Powered by Blogger.