ameaça,

Policial Civil é ameaçado de morte por traficante em Ilhéus e recebe prazo pra deixar residencia

21:54 BOCÃO 0 Comentarios

A paz e tranquilidade na Av. Princesa Isabel e ruas circunvizinhas, a exemplo do Alto da Cascalheira, foi trocada pela angústia e medo. O tráfico de drogas tomou conta da localidade, compelindo toque de recolher, e nem a polícia intimida mais a violência praticada pelas facções criminosas.
Desencadeados por uma guerra entre o PCC e o Raio A – pelo comércio de ilícitos na localidade, os tiroteios já se tornaram constantes.
Neste sábado (07), o investigador da Polícia Civil e vice-presidente do Sindicato dos Policiais Civis do Estado da Bahia – SINDPOC, Eustácio Lopes de Oliveira Filho, foi ameaçado de morte por Alexander Silva Rios, vulgo Léo Cyclone, chefe do tráfico de drogas do alto da Cascalheira.
Segundo o investigador da polícia em depoimento na DP, as ameaças são devido a sua residência ficar na mesma Rua que Léo residente, e sua presença vem atrapalhando o comércio ilícito de entorpecentes na localidade. Léo Ciclone afirmou que caso o policial não se mude com a família, vai invadir a residência com sua quadrilha e executar todos.
Léo tem varias passagem pela polícia por tráfico de drogas, porte de arma ilegal, e roubo a mão armada.
Vale lembrar que em 2012, o policial militar Alessandro Lima dos Santos foi executado a tiros por dois homens na mesma localidade. 

Fonte: Blogagravo

Postagens Relacionadas

0 comentários:

Anterior Página inicial Proxima
Tecnologia do Blogger.