Governo aumenta saque do FGTS para R$ 5,4 mil para vítimas da chuva

Um decreto da presidente Dilma Rousseff publicado nesta segunda-feira no “Diário Oficial” aumentou de R$ 4.650 para R$ 5,4 mil o limite de saque do FGTS (Fundo de Garantia por Tempo de Serviço) para quem está na região serrana do Rio de Janeiro, em locais destruídos pela chuva.

Também têm o direito moradores de cidades em situação de emergência ou estado de calamidade pública de qualquer outro Estado. Só pode fazer o saque quem não retirou o dinheiro nos últimos 12 meses.
Assim como disse o ministro do Trabalho, Carlos Lupi, basta a apresentação de um documento pessoal, como a carteira de identidade, para receber o FGTS em agências da Caixa Econômica Federal. Quem perdeu os documentos pode usar uma declaração da prefeitura.
A liberação de R$ 100 milhões para municípios atingidos pela chuva também foi publicada no “Diário Oficial”. Metade do dinheiro será encaminhada imediatamente para as cidades do Estado do Rio de Janeiro.
De acordo com o ministro da Integração Nacional, receberão os recursos o Rio de Janeiro (R$ 70 milhões); Nova Friburgo (R$ 10 milhões); Teresópolis (R$ 7 milhões); Petrópolis (R$ 5 milhões); Sumidouro (R$ 2 milhões); Areal (R$ 2 milhões); Bom Jardim (R$ 2 milhões) e São José do Vale do Rio Preto (R$ 2 milhões).

Defesa Civil confirma 640 mortes na região serrana do Rio

A Defesa Civil do Estado do Rio de Janeiro confirmou 640 mortos na enxurrada que atingiu cidades na região serrana.
Segundo o último levantamento, o número de óbitos chegou a 271 em Teresópolis, 294 em Nova Friburgo, 54 em Petrópolis, 19 em Sumidouro e dois em São José do Vale do Rio Preto.


Redator: Roberto Saraiva

FONTE: eBAND

Postagens Relacionadas

0 comentários:

Anterior Página inicial Proxima
Tecnologia do Blogger.