GUARDA MUNICIPAL DE SALVADOR (BA) DIVULGA ESTATÍSTICA DO MÊS DE ABRIL





O Setor de Estatística (Seest-Susprev) divulga os números referentes às ocorrências do mês de abril envolvendo as ações da Guarda Municipal de Salvador (GMS). A coleta das ocorrências é feita através dos Relatórios de Ocorrências Diárias (ROD) entregues ao Seest pelos guardas, e documentados no Sistema Integrado de Gestão Estratégica Operacional (Sigeo Guarda). A integração entra a GMS, a Transalvador e o SAMU lideram as estatísticas no apoio às vítimas de acidente de trânsito, com 42,9%. Destaque para o ocorrido na Avenida Afrânio Peixoto (área 10 - Suburbana- ver fotos). De acordo com relato do GM Antonio César Oliveira, por volta das 16h20 do dia 27 de abril de 2012, os agentes foram informados do capotamento de um veículo modelo sprinter a 200 metros do local onde se encontravam. Entraram em contato com sua central para que a mesma acionasse o SAMU e a Transalvador. A PM/BA também chegou ao local e prestou apoio. Os feridos foram prontamente atendidos, e dois deles tiveram que ser conduzidos ao Hospital Geral do Estado. Outra ocorrência de destaque envolveu o Grupamento Rondas da Capital (Rondac), em 17 de abril, quando em ronda pelo Dique do Tororó. Por volta das 16h40, houve um atropelamento na subida para a Avenida Bonocô. Segunda o GM Bruno Carvalho, a guarnição da Rondac parou para dar apoio e reordenar o trânsito local. A vítima foi levada para o Hospital Geral do Estado pelo SAMU, e o veículo para a Transalvador (Barris). Ameaças, desacatos, auxílio ao público e furtos foram as demais ocorrências registradas pelo Setor de Estatística da Susprev. Cada uma delas computou 14,3% do total de registros. Destaque para um furto ocorrido no supermercado G Barbosa, em Boa Vista de Brotas, por volta das 13h30 do dia 22 de abril. Detido, o delituoso foi conduzido à 6ª Delegacia Territorial, em Brotas. “As rondas e patrulhamento à pé propiciam que a GMS esteja sempre próxima da população”, afirma o superintendente de Segurança Urbana e Prevenção à Violência, Sergio Raykil.

Fonte: ASCOM/SUSPREV





Postagens Relacionadas

0 comentários:

Anterior Página inicial Proxima
Tecnologia do Blogger.