Suspeito é preso, pela Guarda Municipal de Aracaju, vendendo objetos roubados

22:58 GmNoticias Brasil 0 Comentarios


Pessoas que transitavam no terminal de integração do Distrito Industrial de Aracaju (DIA) no início da noite desta quarta-feira, 9, estranharam o fato de um homem comercializar alguns objetos, a exemplo de celulares, notebook e pendrives, e acionaram a polícia. A prisão foi efetuada pela Guarda Municipal (GM), que fazia a ronda pelo local no momento em que alguns indivíduos responsáveis pela segurança haviam imobilizado o suspeito.


Bruno da Conceição foi preso no terminal 


De acordo com informações do guarda Robson Bispo, o dono de alguns dos pertences já foi identificado e prestou boletim de ocorrência na Delegacia Plantonista. “Conseguimos localizar o proprietário do notebook através de um currículo que estava salvo no computador”, afirmou Robson, que ainda disse que foram apreendidos com o suspeito seis celulares, um notebook, três pendrives, um aparelho para alisar cabelo e uma mochila.


Objetos roubados pelo suspeito


O acusado foi identificado como Bruno da Conceição, que afirmou residir no bairro São Conrado. Ele é suspeito de roubar a casa de Jean Rocha Araújo, que mora no conjunto Médici. “Como minha casa possui sistema de alarme, o suspeito apenas conseguiu ter acesso a minha casa através do telhado da residência vizinha. Então ele serrou o forro de madeira, por onde também efetuou a fuga, e só conseguiu roubar um celular, perfume, modem, pendrive, chapinha, mochila e um computador portátil”, informou a vítima.

“Esta é a terceira vez que minha casa é roubada. Meus filhos estão apavorados e não queremos mais ficar no Médici, por isso vamos procurar outro lugar para morar”, declarou a vítima, que também contou que o furto foi efetuado enquanto ele viajava para o interior com a família.

Denuncia


O membro da Guarda Municipal que prendeu Bruno em flagrante afirmou que o acusado havia oferecido uma quantia de mil reais para que a equipe da guarda o soltasse. “Ele já tem uma passagem pela polícia e vai ser processado por corrupção ativa”, contou.


Robson Bispo informou que o acusado ofereceu propina


Robson aproveitou a oportunidade para avisar a população que sempre que houver necessidade, a GM pode ser acionada. “Nosso trabalho é proteger bens e serviços do município, e nós podemos efetuar prisões e atuar em casos a exemplo de flagrantes de delito, tráfico e assaltos. Sempre que precisar, basta ligar para o número 153”, explicou.

Postagens Relacionadas

0 comentários:

Anterior Página inicial Proxima
Tecnologia do Blogger.